24 dezembro 2007

22 dezembro 2007

Ricardo Sasaki em Portugal


Num momento em que muitos de nós pensam em compras e prendas, alguns vão poder parar um pouco e aquietar-se. O prof. do Dharma Ricardo Sasaki vai aterrar em Lisboa no dia 25 (via Alemanha)... onde vai dar um mini-curso nos dias 26 e 27, na sede da UBP, às 19h. O percurso de Ricardo Sasaki no budismo é já muito extenso (espantem-se aqui) e o trato com ele é muito fluido e amigável. Depois de Lisboa virá direito a Braga, onde pela primeira vez organizamos um retiro de fim de ano solar. O tema será "Descobrindo o Caminho Sereno do Buda". Pensamos que é uma boa época para fazer algo um pouco diferente do habitual e procurar, justamente, alguma serenidade. As várias hipóteses de participação estão aqui. Atenção! quem não puder assistir ao retiro, pode mesmo assim partilhar o jantar de passagem de ano e passar a noite no centro. Alguns amigos partirão do Porto para participar na noite de passagem de ano solar. No dia 1 de Janeiro, depois do retiro, o prof. Ricardo vai passar pelo Porto, onde dará uma palestra sobre "Oportunidades e Perigos para o Praticante Budista no Ocidente, pelas 19h, na delegação da UBP, na rua da Restauração, seguida de jantar. Estão convidados :) E já agora, um bom ano solar.... sem fumo e com bom coração :)

16 dezembro 2007

a parábola dos cegos e do elefante


“Certa vez, aqui mesmo em Savatthi, houve um certo rei que disse para um certo homem, ‘Reúna todas as pessoas de Savatthi que sejam cegas de nascença.”

“’Sim, majestade,’ o homem respondeu e reunindo todas as pessoas de Savatthi que eram cegas de nascença, ele foi até o rei e ao chegar disse. ‘Majestade, as pessoas de Savatthi que são cegas de nascença foram reunidas.’

“’Muito bem, então mostre-lhes um elefante.’

“’Sim, majestade,’ o homem respondeu e mostrou um elefante para as pessoas cegas. Para alguns dos cegos ele mostrou a cabeça do elefante, dizendo, ‘Isto é um elefante.’ Para outros ele mostrou a orelha do elefante , dizendo, ‘Isto é um elefante.’ Para outros ele mostrou uma presa … a tromba … o corpo ... um pé ... a parte traseira … o rabo … o tufo na ponta do rabo, dizendo, ‘Isto é um elefante.’

“Então, tendo mostrado o elefante para as pessoas cegas, o homem foi até o rei e ao chegar disse, ‘Majestade, as pessoas cegas viram o elefante. Faça aquilo que julgar adequado.’

“Então o rei foi até onde estavam as pessoas cegas e ao chegar perguntou, ‘Pessoas cegas, vocês viram o elefante?’

“’Sim, majestade, nós vimos o elefante.’

“’Agora digam-me, pessoas cegas, como é o elefante.’

“As pessoas cegas para as quais havia sido mostrada a cabeça do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a um jarro para água.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrada a orelha do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a um cesto para trilhar.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrada a presa do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a uma lâmina de um arado.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrada a tromba do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual à haste de um arado.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrado o corpo do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a um celeiro.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrado o pé do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a um poste.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrada a parte traseira do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a uma argamassa.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrado o rabo do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a um pilão.’

“Aquelas para as quais havia sido mostrado o tufo na ponta do rabo do elefante responderam, ‘O elefante, majestade, é igual a uma vassoura.’

“Dizendo, ‘O elefante é assim, não assado. O elefante não é assado, é assim,’ eles golpearam uns aos outros com os punhos. O rei se deliciou com o espetáculo.

http://www.acessoaoinsight.net/sutta/UdVI4.php

11 dezembro 2007

Solidariedade e trocas

Para além dos lugares do costume, a igreja de Ramalde está a fazer recolha de material informático em bom estado, roupas, livros, etc. para missão humanitária na Guiné. Quem tiver algo que ainda esteja em bom estado e queira e possa contribuir, passe na Igreja de Ramalde, Porto...

O CREU (na rua de Oliveira Monteiro) também faz um pedido:
necessitam-se livros de qualquer tipo (biografias, poemas, ficcção, clássicos, romances, científicos, etc.) para a biblioteca da UHSA (Unidade Habitacional Santo António, no Porto, que é um centro de detenção de imigrantes que aguardam repatriamento)! Podem ser livros usados, mas em boas condições. (deixar no Creu ao cuidado do FAS)

Quanto aos lugares do costume, aqui estão:

Cruz Vermelha Portuguesa
Rua Nossa Senhora de Fátima, 106 a 138 (Porto)

AMI - Porta Amiga
R. da Lomba, 153 e 159, 4300 – 301 Porto (Campanhã)
Tel. 22 510 65 55 - Fax. 22 510 60 53
E-Mail:mailto:pa-portoami@mail.telepac.pt

Rua Domingos de Matos, 700
4400 Santa Marinha (Coimbrões)
Tel.223 777 070
E-Mail:mailto:pa.gaia@netcabo.pt

Caritas Diocesana Porto
R. Latino Coelho 314, 4000-314 PORTO
Tel: 225024467

Entretanto... leia As melhores lojas para as suas prendas de Natal; um artigo do Público

e já agora, há mais gente a fazer outras coisas interessantes.... nós pertencemos ao

freecycle.org

Horários de meditação


Durante o restante mês de Dezembro, manteremos os seguintes horários de meditação:

Meditação da manhã: de segunda a sexta às 6h45
Meditação da noite: quartas das 20h às 21h
Meditação Zen (zazen) sábados às 11h (
grupo filiado na AZI, fundada por Taisen Deshimaru) e às 18h, com orientação de José Eduardo ou Margarida Cardoso

Lala Ole em Lisboa

Está confirmada a presença em Lisboa de Lama Ole, no dia 12. Ver informações aqui.

07 dezembro 2007

Good Medicine

Introdução à meditação


Workshop de introdução à meditação budista com Margarida Cardoso
Data: Sexta-feira 7 de Dezembro, às 19h
Local: Rua da Restauração, 463, 2.º
Contribuição: livre

03 dezembro 2007

Oficinas de prendas de Natal... recicladas


Na sequência das Conversas da Terra decidimos continuar a conversa... com oficinas que aprofundassem alguns temas em particular. Para aproveitar esta época natalícia de consumo desenfreado, decidimos fazer uma oficina de prendas de natal... recicladas. Portanto apareçam com ideias, materiais potencialmente recicláveis... ou só apareçam! e vão espreitando o Eco Natal.

Local: UBP Porto Rua da Restauração, 463, 2.º
Data: domingo dia 9 de Dezembro, das 15h às 18h


Entretanto, o Pedro fez um resumo do nosso encontro, no blog dele, Be the change you want to see :)